SPED Contábil - Como configurar uma empresa para gerar a declaração?

O Contábil já está preparado para gerar o último leiaute do SPED Contábil, atualize o seu sistema para versão mais recente para poder emitir o arquivo com as informações.
 
 Acesse também o seguinte link com um vídeo completo sobre a configuração: 
 
 
 
PARÂMETROS
1 – Para disponibilizar as opções de ECD, acesse o menu CONTROLE, opção PARÂMETROS, onde na guia GERAL, subguia INFORMATIVOS, subguia GERA, no quadro INFORMATIVOS, deve selecionar a opção ‘[x] SPED Contábil’;
 
 
2 – Após tópico 1, habilitará a guia SPED CONTÁBIL, clique sobre a mesma e no quadro FORMA DE ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL, deve selecionar o tipo de livro principal que será gerado e o nome que será descrito:
 
 ‘[x] Livro Diário Completo’: Livro de tipo ‘G’;
 ‘[x] Livro Diário com escrituração resumida’: Livro de tipo ‘R’;
 ‘[x] Livro Balancetes Diários e Balanços’: Livro de tipo ‘B’.
 
OBS: Clique aqui para mais informações sobre as formas de escrituração.
OBS: A informação do campo ‘Nome’ será gerada para os Termos de Abertura (I030) e Encerramento (J900).
 
 
3 – O plano referencial não é obrigatório para o SPED Contábil, mas vamos citar como configurar. Na subguia DADOS SPED, subguia PLANO REFERENCIAL, informe a Vigência Inicial e no quadro SPED ECF/SPED CONTÁBIL – A PARTIR DE 2014, selecione o plano referencial de acordo com a atividade e regime da sua empresa;
 
OBS: Este será o plano habilitado para fazer o vínculo referencial posteriormente.
 
 
4 – Quando selecionar um plano referencial de PJ’s de regime Lucro Presumido ou Imunes/Isentas, será habilitado o quadro LUCRO PRESUMIDO OU IMUNE/ISENTA, informando se a empresa é obrigada ou não a entrega da ECD;
 
 Quando selecionado que não é obrigado, não será habilitado os lançamentos referenciais.
 
5 – O quadro TIPO DE ATIVIDADE, vai ser habilitado para ‘Pessoa Jurídica em Geral’, onde deve selecionar:
 
 ‘[x] Atividade Geral’: para quando a empresa exerce todas as atividades exceto rural, utilizando o plano referencial sem as contas referente atividade rural (mascará 3.11/3.12);
 ‘[x] Atividade Rural’: quando a empresa exerce somente atividade rural, será utilizado o plano referencial da atividade rural (mascará 3.01/3.02);
 ‘[x] Ambas’: quando a empresa tem atividade mista (rural e geral), utilizando os dois tipos de plano de contas.
 
OBS: Será feito validação das contas referenciais vinculadas na ECD com a atividade, caso haja inconsistência, não será emitido o arquivo (caso opte gerar o plano referencial no informativo).
 
6 – Na subguia SIGNATÁRIOS, subguia SPED CONTÁBIL, será definido a assinatura do representante legal para assinar o informativo;
 
OBS:  Para mais informações de signatário, clique aqui.
 
 
7 – Nos parâmetros ainda temos duas considerações que são importantes para o SPED Contábil que deve configurar corretamente, as Naturezas das Contas e Zeramento:
 
Natureza das Contas: Deve informar a natureza de todas as contas de grau 1 na natureza e a conta transitória do resultado (ARE) deve ser com o tipo ‘Outros’, clique aqui para ver como configurar;
 
 
 Zeramento: A rotina de zeramento deve ser configurada de forma automática, devendo passar entre Lucros/Prejuízos do Período para depois transferir aos Acumulados, principalmente para aqueles que transmitem DLPA. Clique aqui para ver como configurar.
 
 
 
8 – Clique no botão Gravar e proceda para os próximos passos.
 
 
ZERAMENTO CONTAS CONTÁBEIS
Com todos os lançamentos do período feitos e a competência encerrada, deve realizar o zeramento das contas de resultado para gerar o SPED Contábil.
 
OBS:  Os zeramentos podem ser feitos de forma ‘Mensal’, ‘Trimestral’ ou ‘Anual’. Na ECD não existe validação do zeramento das contas, apenas no SPED ECF, onde é o informativo que valida a apuração fiscal do IRPJ/CSLL, sendo assim, para que não apresente avisos de possíveis divergências, deve ser feito o zeramento conforme a apuração fiscal do tributo.
 
1 – No menu UTILITÁRIOS, opção ZERAMENTO, informe sempre o último dia do mês/trimestre/ano para fazer o encerramento das contas de resultado e apurar o lucro/prejuízo e clique no botão OK para concluir.
 
Em situações especiais, pode informar a data da ocorrência (exemplo: extinção, etc).
 
 
 
GERAR ARQUIVO SPED CONTÁBIL
1 – O arquivo será gerado pelo menu RELATÓRIOS, submenu INFORMATIVOS, opção SPED Contábil, no quadro PERÍODO será informado a data Inicial e Final do arquivo;
                                                                             
OBS:  O SPED Contábil pode ser emitido de forma fracionada, pode ser transmitido até 12 arquivos, desde que compreenda todo ano-calendário do informativo. 
 
 
2 – No campo CAMINHO, coloque a pasta que será salva o arquivo gerado para importação no validador e preencha o botão [Outros Dados...], obrigatoriamente deve preencher este botão. Temos uma central exclusiva sobre o preenchimento dele, clique aqui (1856);
3 – Na tela de geração, no botão [Empresas...] poderá selecionar para gerar o arquivo da ECD de mais de uma empresa do banco ou de todas ao mesmo tempo, desde que todas estejam configuradas para emissão e no botão [SCP...] para selecionar a SCP para gerar no informativo;
 
OBS:  O botão SCP somente estará habilitado quando configurado empresa com SCP nos parâmetros.
 
4 – Clique no botão OK para emitir o arquivo e importar no validador.
 

null

Marcar todos como lidos