Como implantar o saldo inicial das contas contábeis (Balanço de Abertura)?

Veja como fazer o lançamento de inclusão dos saldos iniciais nas contas contábeis, o que muitos contadores conhecem como Balanço de Abertura.
 
Importante!
A implantação do saldo inicial terá um impacto muito grande na emissão dos informativos SPED ECD e SPED ECF. Dessa forma, é necessário fazer uma análise detalhada da sua situação, e proceder conforme abaixo, para que não tenha problemas na validação desses informativos.
 
Para um melhor entendimento, vamos dividir essa solução em algumas situações.
 
 MUDANÇA DE CONTADOR DE UM ANO PARA O OUTRO (Ex.: o primeiro contador fica até 31/12/2021 e entrega a ECD e ECF de 2021, e o segundo contador inicia em 01/01/2022 e irá entregar a ECD e ECF de 2022);
 
 
 MUDANÇA DE CONTADOR DENTRO DO MESMO ANO (Ex.: o primeiro contador fica até 31/03/2021 e entrega a ECD de 01/2021 a 03/2021, e o segundo contador inicia em 01/04/2021 e irá entregar a ECD de 04/2021 a 12/2021 e a ECF do ano todo);
 
 
 QUANDO EMPRESA NÃO É OBRIGADA AO SPED CONTÁBIL
 
 

 
Nesse caso, no Balanço de Abertura, teremos de incluir o saldo das contas Patrimoniais e de Resultado, e teremos que proceder com um zeramento no último dia do contador anterior. (Ex.: Contador anterior ficou até 31/12/2021. Então em 31/12/2021 nós teremos de fazer o lançamento de Balanço de Abertura no sistema, incluindo o valor das contas Patrimoniais e de Resultado, ignorando o zeramento feito pelo contador anterior. Após, teremos que fazer um zeramento no sistema em 31/12/2021, para reproduzir o zeramento que foi feito pelo contador anterior).
 
1 - Acesse o menu Movimentos > Lançamentos;
2 - No campo Tipo, informe a opção Vários débitos para vários créditos;
3 - No campo Data, informe o dia anterior ao qual você irá iniciar a contabilidade (Ex.: se você irá iniciar a contabilidade da empresa a partir de 01/01/2022, então a data do lançamento será 31/12/2021);
4 - No quadro reservado para as partidas do lançamento, informe os valores de todas as contas contábeis presentes no balancete de abertura (Patrimonial e de Resultado);
 
 
 
Importante!
Quando possuir valores nas contas de Lucro Acumulado ou Prejuízo Acumulado. Para que o sistema tenha o comportamento correto nos informativos SPED ECD e SPED ECF, é necessário no primeiro lançamento informar as contas de Lucro ou Prejuízo do período, para posteriormente fazer um segundo lançamento, com origem 'Transferência Lucro/Prejuízo', para as contas definitivas de Lucro Acumulado ou Prejuízo Acumulador.
 
5 - Após, acesse o menu Utilitários > Zeramento, e realize um zeramento na mesma data do lançamento do Balanço de Abertura;
6 - Para finalizar, emita um Balanço Patrimonial e confira se os valores do Balanço de Abertura está batendo com o Balanço do contador anterior;
7 - Fazendo isso você não terá problemas na emissão dos informativos SPED ECD e SPED ECF;
 
 
Nesse caso o procedimento será muito semelhante ao da Situação 1, porém quando for incluir o saldo das contas de Resultado, deverá considerar somente o saldo do último trimestre, e não do ano inteiro como na Situação 1. (Ex.: Contador anterior ficou até 31/12/2021. Então em 31/12/2021 nós teremos de fazer o lançamento de Balanço de Abertura no sistema, incluindo o valor das contas Patrimoniais e de Resultado, ignorando o zeramento feito pelo contador anterior no último trimestre. Após, teremos que fazer um zeramento no sistema em 31/12/2021, para reproduzir o zeramento do último trimestre que foi feito pelo contador anterior). 
 
Importante!
Quando essa situação acontecer, para evitar mais problemas, recomendamos não marcar a opção 'Gerar os registros anuais quando houver mais de um zeramento no período de geração do arquivo', presente na tela de Outros Dados do SPED Contábil.
 
 

Nesse caso o procedimento será muito semelhante ao da Situação 1, porém quando for incluir o saldo das contas de Resultado, deverá considerar somente o saldo do último mês, e não do ano inteiro como na Situação 1. (Ex.: Contador anterior ficou até 31/12/2021. Então em 31/12/2021 nós teremos de fazer o lançamento de Balanço de Abertura no sistema, incluindo o valor das contas Patrimoniais e de Resultado, ignorando o zeramento feito pelo contador anterior no último mês. Após, teremos que fazer um zeramento no sistema em 31/12/20201, para reproduzir o zeramento do último mês que foi feito pelo contador anterior). 
 
Importante!
Quando essa situação acontecer, para evitar mais problemas, recomendamos não marcar a opção 'Gerar os registros anuais quando houver mais de um zeramento no período de geração do arquivo', presente na tela de Outros Dados do SPED Contábil.
 
 

 
Nesse caso o procedimento será muito semelhante ao da Situação 1, onde será necessário a inclusão do saldo das contas Patrimoniais e de Resultado. Quanto as contas de Resultado, o saldo a ser incluído deverá ser considerando apenas o ultimo período zerado pelo contador anterior. (Ex.: Contador anterior ficou até 30/06/2022, fazendo o zeramento do 1º e 2º trimestre, e enviando em seu arquivo do SPED Contábil o Balanço Patrimonial e DRE desses trimestres. Então, em 30/06/2022 nós teremos de fazer o lançamento de Balanço de Abertura no sistema, incluindo o valor das contas Patrimoniais e de Resultado, ignorando o último zeramento feito pelo contador anterior, que nesse caso foi em 30/06/2022, referente ao segundo trimestre. Após, teremos de fazer um zeramento em 30/06/2022, para reproduzir no sistema o zeramento feito pelo contador anterior).
 
Importante!
Quando essa situação acontecer, para evitar mais problemas, recomendamos não marcar a opção 'Gerar os registros anuais quando houver mais de um zeramento no período de geração do arquivo', presente na tela de Outros Dados do SPED Contábil.
 
 
 
Nesse caso o procedimento será muito semelhante ao da Situação 1, onde será necessário a inclusão do saldo das contas Patrimoniais e de Resultado. (Ex.: Contador anterior ficou até 31/05/2022, não fazendo nenhum zeramento no ano de 2022. Então, em 31/05/2022 nós teremos de fazer o lançamento de Balanço de Abertura no sistema, incluindo o valor das contas Patrimoniais e de Resultado, sendo que o saldo das contas de resultado serão os que estão em aberto no ano de 2022).
 
Importante!
Para esse  caso, teremos de marcar algumas opções importantes na emissão do SPED Contábil. Siga conforme demonstrado abaixo:
 
1 - Acesse o menu Relatórios > Informativos > SPED Contábil, e clique no botão [Outros Dados...];
2 - Na guia Opções, marque as opções abaixo:
 
  • Gerar os registros anuais quando houver mais de um zeramento no período de geração do arquivo;
  • Considerar o saldo anterior lançado no próprio exercício para o Balanço e DRE (J100 e J150);
  • Informar período do saldo anterior para o Balanço e DRE (J100 e J150), e
    • No campo Período anterior, informe o período do último zeramento feito pelo contador anterior. (Ex.: O contador anterior ficou de 01/2022 até 05/2022, então enviou o ECD referente ao período de 01/2022 a 05/2022 sem fazer o zeramento em 31/05/2022. O último zeramento que o contador anterior fez foi em 31/12/2021, referente ao ano todo de 2021. Então o valor informado no campo Período anterior será de 01/01/2021 a 31/12/2021);
3 - Após marcar as opções acima poderá clicar no botão [OK] para gravar os outros dados;
 
 

 
Caso a empresa não seja obrigada ao SPED Contábil (ECD), ou então estará obrigada a partir do ano que está sendo feito o balanço de abertura, então não será necessário a inclusão do saldo das Contas de Resultado, caso as mesmas já estiverem encerradas. (Ex.: Contador anterior ficou até 31/12/2021, fazendo o zeramento em 31/12/2021 e entregando para você um Balanço Patrimonial fechado. Nesse caso, como a empresa não é obrigada a ECD, você não precisa fazer o lançamento das Contas de Resultado apenas para reproduzir o zeramento do contador anterior, como as contas ja estão encerradas, você pode lançar apenas as Contas Patrimoniais, e seguir daquele momento em diante).
 

null

Marcar todos como lidos