Como Importar Dados do Portal do eSocial?

Assista ao vídeo e acompanhe o passo a passo abaixo!

Para fazer a importação de cadastros do Portal do eSocial, antes é preciso se atentar as seguintes observações:
 
 A empresa já deve estar cadastrada no sistema e com o regime tributário definido nos parâmetros;
 É necessário que o Certificado Digital já esteja configurado corretamente;
 Para quem utiliza Dominio Web, é necessário incluir o Certificado Digital no Gerenciador de Certificados (A1) ou no Gerenciador de Tokens (A3).
 
Configurar os parâmetros
1 - Acesse o menu Controle > Parâmetros;
2 - Na guia Geral > e-Social > Configurações de Envio > Geral;
3 - Selecione a opção '[x] Gerar eSocial', e no quadro Tipo de ambiente, selecione '[x] Ambiente Oficial';
4 - No quadro Geral, nos campos:
• Empresa já enviada anteriormente, selecione a opção ‘Sim’;
• Competência de início da utilização nesse banco de dados, informe a partir de qual competência a empresa começou nesse sistema;
5 - Informe os demais dados e clique no botão [Gravar];
6 - Será exibida algumas mensagens padrões do sistema, clique em [Sim];
7 - Após, será exibida uma mensagem perguntando qual processo você deseja realizar, clique no botão [Importação de Dados];
8 - Em seguida será aberta a janela Importação de Dados do eSocial, para você configurar os dados da importação.

 
Configurar os dados da importação
 Essa janela está disponível no menu Utilitários > Importação de Dados do eSocial.
 
1 - No quadro Geral, no campo Tipo de acesso, selecione a opção:
  • Certificado própria empresa, caso utilize o certificado da própria empresa;
  • Certificado procuração, caso utilize o certificado do contador com procuração;
2 - No quadro Opção, selecione ‘[x] Importar todas as alterações do cadastro do colaborador’, para importar todas as alterações (S-2205, S-2206, S-2306) já enviadas ao eSocial para os colaboradores;
3 - No quadro Colaboradores, defina a Ordem de importação, podendo ser por 'Data de admissão' ou 'Sequencial';
4 - Utilize o botão:
  • [Incluir], para informar o CPF e a Data de admissão do Colaborador que será importado;
  • [Importar Listagem], para importar um arquivo com uma lista de colaboradores a serem importados. Essa lista deve ser gerada pelo sistema anterior da empresa e deve ter o formato .txt. Para saber como gerar o arquivo pelo Sistema Domínio, assista o vídeo: 
  • [Excluir], para excluir uma linha incluída indevidamente;
  • [Gravar], para salvar as informações;
5 - Após informar os colaboradores, clique no botão [Iniciar] para começar a importação dos cadastros do eSocial;
6 - Será exibida a mensagem dizendo que a importação pode demorar alguns minutos, clique em [Sim] para continuar.
 
OBS: Para Matriz e Filial cadastradas juntas em Arquivos/Serviços, serão importados primeiro os dados da Matriz.
Então, você deve informar apenas empregados da Matriz, após a importação desses empregados, inclua os empregados da filial.
Os cadastros na Filial, serão importados por lotação, considerando a alocação da filial.

 
Resultado da Importação eSocial
1 - Na janela Importação de Dados do eSocial, clique no botão [Resultado];
2 - Será aberta a janela Resultado Importação eSocial e serão exibidas as guias: Filiais, Serviços, Cargos, Horários, Sindicatos, Empregados, Outros;
3 - Nessas guias, serão exibidos alertas para você verificar, a fim de evitar que os cadastros que não foram possíveis de importar fiquem incompletos;
- Utilize o botão  Soluções como ajuda.

 
Informações Complementares
 O evento S-1020 - Lotações Tributárias será demonstrado no Painel de Pendências do eSocial na guia Erros Preenchimento, pois você deve informar no cadastro do Serviço o código FPAS, pois esse código não é importado do eSocial.
 
 Durante a importação, pode ser exibida a mensagem "Não foi possível acessar o site do eSocial, verifique sua conexão com a internet";
 
 Caso algum empregado não seja importado, verifique se há outro empregado no sistema utilizando a mesma matrícula eSocial. Verifique inclusive se há o registro dessa mesma empresa no sistema (cadastro duplicado - mesmo CNPJ), pois mesmo que o registro esteja inativo, se tiver empregado utilizando a mesma matrícula eSocial que você precisa, deve ser alterada para uma matrícula diferente, de forma que apenas o cadastro que você quer importar esteja com a matrícula eSocial correta.
 
 Serão importados os campos que são obrigatórios conforme leiaute 1.0 do eSocial.
 

null

Marcar todos como lidos